segunda-feira, 2 de maio de 2011

Modernidade Paranoica

Aproveitando o meu último post sobre bullying (e lembrando que o texto não é de minha autoria, apesar de concordar com ele), resolvi falar um pouco mais das paranoias que infestam a vida moderna. Neste post falarei sobre as paranoias da higiene.


Quem já não está cansado de ver montes de propagandas de sabonetes bactericidas que "protegem" o seu filho enquanto ele pula de cara na lama e lambe a cara do cachorro? Aí você vê na TV um sabonete que mata 99,9999% das bactérias e cai nas graças do marketing. Pois fique sabendo: Isso só piora a situação.

Mais cedo ou mais tarde, organismos estranhos vão invadir o corpo. Se você coloca seu filho numa bolha (de sabonete), quando ele sair, estará muito mais exposto. Isso porque é durante a infância que há o maior desenvolvimento do sistema imunológico, ou seja, é nesse período que o indivíduo precisa se expôr. Não estou dizendo pra sair por aí lambendo o chão, mas se você evita que a criança tenha qualquer contato com o que pode deixá-la doente, quando se tornar adulta, estará muito mais fragilizada.

A questão desse post não é só sobre a higiene. Mas sobre as paranoias incentivadas principalmente pela mídia e pelo marketing. Devo lembrá-los que meios de comunicação, em especial a televisão, vivem de paranoia e de causar medo. Informem-se a respeito antes de cair nas graças do sabonete bactericida.


Fontes:
-Folha Online;
-Portal Terra.


Ah, e assistam menos TV.